Dezembro e suas tradições: Samichlaus – São Nicolau

Dezembro chegou e com ele, muitas tradições e curiosidades. Cada país comemora o fim ano de diferentes maneiras. A diferença do clima, de lendas e historias mudam totalmente o cenário das festas de fim de ano. Logo no começo de dezembro, dia 6 (no dia 5 de dezembro nos Países Baixos e no dia 6 de dezembro na Bélgica, Alemanha, na Áustria, na França, na Indonésia, no Luxemburgo, na Suíça, na Polônia, na República Checa), comemora-se o dia de São Nicolau. Nesse dia, “Samichlaus” – como se diz em Suíço-almão – com sua mulinha e seu companheiro “Schmutzli” saem do seu cottage na floresta para visitar as crianças nas suas casas e as que encontram pelo caminho.

As crianças, nesse dia especial, decoram e declamam poemas para o São Nicolau e prometem comportar-sem bem durante o ano que virá. E ainda se eles dizem que foram bem durante o ano que passou, o bom velhinho lhes presenteia com um saquinho cheio de coisas gostosas como por exemplo, frutas, amendoins, biscoitos de época e chocolates.

Genteee… Não confundam os dois velhinhos! Aqui se sabe bem a diferença do São Nicolau e o Papai Noel (que é uma invenção americana Pssssssss!). Apesar de que os dois se vestem de uma maneira bem parecida e possuem barbas bancas 🙂

Nicolau de Mira –  bispo de Mira (Turquia) no século 4, santo padroeiro das crianças.

Lenda: Conta a lenda que três moças não poderiam se casar porque seu pai não tinha condições de pagar seus dotes, na época, indispensáveis. Assim, a sorte das moças estava lançada ao cruel destino de escravidão ou prostituição. São Nicolau, comovido com a situação, jogou três sacos de moedas de ouro pela chaminé da casa das moças. Os sacos caíram dentro das meias das moças que estavam secando junto ao fogo da lareira. (Wikipedia)

Quem se comportou bem esse ano?

Fontes: Swissinfo, Wikipedia

Amamos conversar! Envie seus pitacos aqui.